Blog do PicPay: conteúdos sobre pagamentos, app e muito mais

Como a alta do petróleo afeta diretamente o seu bolso

Você sente que quase todos os produtos do seu dia a dia estão mais caros? A alta do petróleo é um dos fatores que contribuem para isso. Entenda!

25 de abril de 2022

O combustível do seu transporte, os plásticos que você utiliza e diversos outros produtos do seu dia a dia são derivados do petróleo, que é uma das matérias-primas mais importantes do mundo. Por esse e outros motivos, a alta do petróleo afeta diretamente o seu bolso. A gente vai te explicar o porquê. 

Antes disso, vamos sanar algumas dúvidas comuns quando o assunto é petróleo e abordar os seguintes assuntos:

  • Qual é a origem do petróleo;
  • Quais são os maiores produtores de petróleo do mundo;
  • Qual a diferença entre petróleo Brent e petróleo WTI;
  • O que faz o petróleo aumentar ou diminuir de preço;
  • O que é a OPEP e como ela atua;
  • Como o preço do petróleo afeta outros produtos e a inflação;
  • Qual é a relação entre o preço do petróleo e o da gasolina.

De onde vem o petróleo?

O petróleo é um combustível fóssil, originado de sedimentos como restos de animais e plantas, armazenados em zonas subterrâneas há milhões de anos. A estimativa é que as reservas petrolíferas tenham de 10 a  500 milhões de anos.

Ele é encontrado em camadas abaixo da superfície, sendo que a maioria das reservas de petróleo estão localizadas abaixo do fundo do mar, exigindo uma estrutura complexa para a extração.

Como se forma o petróleo?

As condições de pressão e temperatura das bacias sedimentares, além da ausência de oxigênio, fizeram com que os materiais orgânicos se decompossem e se tranformassem em petróleo.

O petróleo é formado por diversos compostos orgânicos, mas os principais são os hidrocarbonetos, que são moléculas com apenas átomos de carbono e de hidrogênio.

Sabendo a origem do petróleo, você pode se questionar: “o petróleo é renovável ou não renovável?” Por conta do tempo necessário para a sua formação, ele é considerado um bem não renovável, ou seja, finito.  

Os maiores produtores de petróleo do mundo

De acordo com um levantamento da Nasdaq, uma das mais importantes bolsas de valores mundiais, os Estados Unidos foram o maior produtor de petróleo do mundo ao longo de 2021.

Mesmo sendo o maior produtor, os EUA dependem da importação de petróleo, pois o consumo é superior à produção.

O ranking dos maiores produtores de petróleo do mundo em 2021, pelo artigo da Nasdaq, ficou da seguinte maneira:

PaísQuantidade média de barris por dia
Estados Unidos18,8 milhões
Arábia Saudita12,0 milhões
Rússia11,3 milhões
Canadá5,5 milhões
China4,9 milhões

Petróleo no Brasil

Ao lado do Iraque, dos Emirados Árabes, do Irã e do Kuwait, o Brasil completa a lista dos dez maiores produtores de petróleo do mundo. 

Um estudo da Ernst & Young em parceria com o Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), de 2017, aponta que o petróleo é a terceira atividade econômica mais importante brasileira e ocupa o quarto lugar no ranking de exportações.

Segundo a Agência Nacional do Petróleo, em 2021, o país produziu 2,9 milhões de barris por dia, em média, sendo que mais de 70% foi extraído do pré-sal, uma das principais reservas de petróleo no Brasil.

O pré-sal possui cerca de 800 quilômetros de extensão e foi batizado assim pois é uma reserva localizada a mais sete mil metros abaixo do nível do mar, sob uma camada de até dois mil metros de sal. 

Além disso, é importante destacar quantas refinarias de petróleo existem no Brasil. Atualmente, a Petrobras conta com 12 unidades, que são responsáveis por processar o petróleo e extrair seus derivados.

O que é OPEP?

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) é uma organização internacional fundada em 1960, no Iraque, com o objetivo de defender os interesses dos países associados em relação ao comércio de petróleo.

Atualmente a OPEP conta com 13 membros que, juntos, correspondem a quase 80% das reservas de petróleo do mundo inteiro. Os países são:

  • Arábia Saudita (fundador);
  • Venezuela (fundador);
  • Irã (fundador);
  • Iraque (fundador); 
  • Kuwait (fundador);
  • Líbia;
  • Emirados Árabes;
  • Argélia;
  • Nigéria;
  • Gabão;
  • Angola;
  • Guiné Equatorial;
  • Congo.

Por representar grande parte da produção, exportação e reserva de petróleo, a OPEP possui uma grande influência sobre os preços do petróleo no mundo e várias vezes é acusada de formação de cartel.

Um exemplo de atuação da OPEP pôde ser observado durante a pandemia da Covid-19. 

Quando a demanda pelo combustível fóssil diminuiu drasticamente e o preço do barril começou a despencar, a organização incentivou cortes na produção, para evitar que o valor caísse ainda mais.

O Brasil faz parte da OPEP?

Ainda que o Brasil ocupe uma posição de destaque no cenário internacional, tanto de produção quanto de reserva, o país não faz parte da organização. A principal justificativa é a resistência em ter limites de produção.

Em 2021, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse que o Brasil não tinha planos para ingressar na OPEP, mas que o país trabalhava com a organização de forma colaborativa.

Petróleo Brent x Petróleo WTI

Você já ouviu os termos petróleo Brent ou petróleo WTI e ficou confuso sobre o que eles representam? Para aprofundarmos mais em torno desta temática, precisamos antes explicar o significado de cada um.

Existem vários tipos de petróleo, que variam de acordo com a região de onde são localizados e de como o petróleo é extraído. Os dois principais, utilizados como referência, são o Brent e o WTI.

Quando você vê ou escuta sobre o preço do barril de petróleo, provavelmente você está recebendo informações sobre a cotação do petróleo Brent. Isto porque ele é utilizado como balizador em diversos lugares, inclusive no Brasil e pela OPEP. 

O petróleo Brent é mais leve que o WTI, extraído principalmente na Europa e na Ásia e negociado na Bolsa de Londres.

Já o petróleo WTI, sigla para West Texas Intermediate, é mais pesado e negociado na New York Stock Exchange, a Bolsa de Valores de Nova Iorque. 

Por ser de uma qualidade um pouco melhor e de extração mais complexa, normalmente a cotação do WTI é maior do que a do Brent, mas nem sempre isso é visto na prática. 

Em 2020, por exemplo, o preço WTI chegou a cair para abaixo de zero, já que a demanda estava baixa por conta da pandemia e os produtores não tinham mais espaço para armazenamento. Enquanto isso, o preço do petróleo Brent se manteve estável.

O que provoca a flutuação do preço do petróleo

O petróleo é uma commodity (matéria-prima) negociada internacionalmente, assim como a soja, o milho e o minério de ferro, por exemplo. 

Neste contexto, é importante ressaltar que a flutuação do preço do petróleo é determinada, sobretudo, pela lei de oferta e demanda, já explicada em nosso conteúdo sobre o que é inflação

Em resumo, o preço é resultado da balança entre a quantidade de petróleo disponível para venda versus a quantidade procurada para compra. 

Com isso, crises de abastecimento podem gerar um choque de oferta, provocando a alta do petróleo, como pudemos observar ultimamente com a guerra entre Rússia e Ucrânia.

Enquanto isso, uma queda repentina na demanda, como foi no caso do início da pandemia da Covid-19, citada anteriormente, pode fazer com que a cotação do petróleo despenque. 

Preço do barril de petróleo nos últimos tempos 

O preço do petróleo hoje está sujeito a grandes mudanças, dependendo do cenário social, político e econômico do mundo.

Alguns exemplos são os casos citados anteriormente ou outras crises como a de 1979, com a revolução islâmica fundamentalista no Irã e a Guerra do Golfo, na década de 1990.

Quantos litros tem um barril de petróleo?

Muito se fala no preço do barril de petróleo, mas afinal, quanto litros tem em um barril de petróleo? Oficialmente, o barril estadunidense possui 158,98 litros, enquanto o britânico tem 159,11 litros.

Então quanto custa um barril de petróleo?

Em março de 2022, o petróleo Brent chegou a custar U$ 139, maior valor desde 2008, após o Governo dos Estados Unidos anunciar que estava discutindo com outros países sobre a possibilidade de proibir a importação de petróleo vindo da Rússia.

A variação do petróleo nos últimos tempos, com influência da pandemia e da geopolítica do petróleo, com a guerra entre Rússia e Ucrânia, pode ser observada na tabela abaixo. A cotação é referente ao último dia de cada trimestre ou mês:

PeríodoPreço em Dólar
Quarto trimestre de 2019U$ 66,00
Primeiro trimestre de 2020U$ 22,74
Segundo trimestre de 2020U$ 41,15
Terceiro trimestre de 2020U$ 40,95
Quarto trimestre de 2020U$ 51,80
Primeiro trimestre de 2021U$ 63,54
Segundo trimestre de 2021U$ 75,13
Terceiro trimestre de 2021U$ 78,52
Quarto trimestre de 2021U$ 77,78
Janeiro de 2022U$ 91,21
Fevereiro de 2022U$ 100,99
Março de 2022U$ 107,91

Qual a importância do petróleo para a economia mundial? 

Segundo dados da International Energy Agency (IEA), de 2019, o petróleo é responsável por mais de 31% da matriz energética mundial, seguido pelo carvão mineral (27%) e o gás natural (23%). 

No Brasil, a dependência do petróleo para geração de energia é ainda maior, de acordo com o Balanço Energético Nacional de 2021. Por aqui, o petróleo e seus derivados correspondem a mais de 33% da matriz energética.

A diferença é que no Brasil, o segundo maior gerador de energia são os derivados da cana-de-açúcar (19%), como o etanol. Em terceiro lugar, aparece a hidráulica, com 12,6%.

Nesse contexto, ficam claros tanto os aspectos ambientais do petróleo, já que ele é responsável por grande parte da emissão de gases de efeito estufa na atmosfera, quanto os aspectos econômicos do petróleo.

Quais produtos podem ser produzidos a partir do petróleo? 

No início deste texto, nós dizemos sobre como o petróleo origina vários produtos que você utiliza cotidianamente. Os mais notáveis são os combustíveis como a gasolina e o diesel, que são derivados dele e são impactados pela alta do petróleo.

O outro mais importante é o plástico, que está presente em quase tudo que você usa no dia a dia. Além deles, outros produtos podem ser derivados do petróleo, como: a borracha sintética, várias tintas e corantes, explosivos e solventes.

Qual é a relação entre o plástico e o petróleo? 

Para responder a essa pergunta, é preciso explicar o processo de refinamento do petróleo. Após ser extraído nos campos de produção, ele é levado para as refinarias. Por lá, são obtidos os diferentes tipos de derivados.

  • Gás;
  • Nafta;
  • Querosene;
  • Diesel;
  • Óleos lubrificantes; 
  • Ceras;
  • Base de asfalto.

A nafta é utilizada como matéria-prima pela indústria petroquímica para a produção de vários tipos de plástico. Sendo assim, diversos produtos que possuem plástico na composição também ficam mais caros com a alta do petróleo.

Qual é o impacto da alta do petróleo no preço da gasolina e do diesel?

Atualmente, a política de preços da Petrobras é a de Preço de Paridade de Importação (PPI), adotada em 2016. 

Isso quer dizer que o preço dos combustíveis é determinado pela cotação do petróleo no mercado internacional, somada a custos como frete de navios e taxas portuárias, além de uma margem extra para operação. 

Na época, a justificativa da estatal foi o aumento da importação de diesel e gasolina. Isso porque mesmo produzindo muito petróleo, o Brasil ainda depende da importação de derivados.

Cabe ressaltar que como o barril de petróleo é negociado em dólar, a variação da cotação da moeda estadunidense também influencia no valor final dos combustíveis nos postos de gasolina.

Leia mais: O que provoca a queda ou alta do dólar?

Nos últimos anos, os brasileiros têm sofrido na hora de abastecer os automóveis, sobretudo nos últimos meses, com a alta do petróleo. 

Em dois anos, o preço médio no país subiu de R$ 4,598 para R$ 7,288, um crescimento de mais de 58%, segundo dados da ValeCard, empresa especializada em frotas.

Como a alta do petróleo contribui para o aumento da inflação

Com os combustíveis mais caros, o transporte de mercadorias também sobe de preço. O resultado disso? Produtos de vários segmentos comerciais são impactados por essa cadeia. 

Leia mais: Como economizar dinheiro com 15 dicas de finanças

Nesse contexto, é possível traçar uma relação clara entre a alta do petróleo e a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. Já que vários produtos medidos pelo IPCA são afetados pelo petróleo.
A economia faz parte de tudo da sua vida. Educação financeira é essencial para que você tenha domínio sobre o seu dinheiro e viva melhor. Aprenda mais sobre isso com nossos conteúdos de planejamento financeiro!

Esse conteúdo foi útil? Deixe aqui sua avaliação

Média da classificação 1 / 5. Número de votos: 2

Compartilhe este Post:

Conteúdos relacionados